Oii

Biofilmes de candida spp. em próteses removíveis usadas por pacientes idosos: uma revisão narrativa da literatura

Anna Stefannie Silva da Cunha, Raquel Farias Cyrino, Marília Leite Dias, João Jaime Giffoni Leite

Resumo


O presente estudo tem por objetivo analisar, através de uma revisão bibliográfica, a formação de biofilmes de Candida spp. em próteses dentárias e sua relação com a saúde sistêmica do idoso. A pesquisa foi realizada contemplando artigos publicados nos últimos 10 anos pelos bancos de dados SCIELO, MEDLINE e PUBMED, selecionando-os baseado nos títulos e resumos. Constatou-se que o uso de dispositivos protéticos removíveis é uma realidade no Brasil, contudo esses podem tornar-se potenciais fontes de infecção por microorganismos capazes de aderir e sobreviver em superfícies de resina acrílica, promovendo a formação de biofilme, bem como provocar alterações na microbiota, levando a um aumento da população de leveduras do gênero Candida. Os usuários de próteses removíveis apresentam maior risco de desenvolvimento de infecções bucais, sendo que poucos são os estudos sobre a possibilidade de o dispositivo protético se converter em reservatório de patógenos de importância médica.


Palavras-chave


Biofilme; Candida spp; Prótese dentária

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Anna Stefannie Silva da Cunha, Raquel Farias Cyrino, Marília Leite Dias, João Jaime Giffoni Leite

Centro Universitário Fametro – UNIFAMETRO

ISSN 2448-1270