Oii

O NASF no município de Fortaleza e a intervenção do professor de educação física

Genilson César Soares Bonfim

Resumo


Trata da intervenção do professor de educação física no Núcleo de Apoio á Saúde da Família (NASF) como integrante de grande relevância na equipe multidisciplinar composta por médicos, enfermeiros, agente comunitários de saúde, fisioterapeutas, assistente social e nutricionista, mostrando quais ações e procedimentos feitos pelo educador físico dentro das unidades de saúde. Trata-se de uma pesquisa quantitativa descritiva. A população foi constituída por 07 indivíduos integrantes do NASF da Regional V, todos profissionais de educação física. Os dados foram coletados mediante um questionário, contendo 15 perguntas, onde os dados foram tratados e analisados pela estatística analítica descritiva. Os resultados foram que 71,4% dos educadores físicos são do sexo masculino; 71,4% estão na faixa etária de 26 a 35 anos; 57,1% trabalham a 1 (um) ano no programa; 57,1% descrevem sua função como sendo a de desenvolver atividades físicas e práticas corporais; 42,9% afirmaram que os agentes comunitários de saúde (ACS) e nutricionistas como os profissionais que melhor contribuem para a execução seu trabalho; quanto ao público atendido, observou-se que 71,4% são idosos, com 57,1% dos educadores físicos que utilizam palestras como forma de intervenção.


Palavras-chave


Educador físico; Núcleo de Apoio á Saúde da Família; Saúde da família

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 REVISTA DIÁLOGOS ACADÊMICOS

Centro Universitário Fametro – UNIFAMETRO

ISSN 2448-1270