Oii

O karatê como ferramenta no desenvolvimento psicomotor

Tony Carlos Cardoso Silva, Luiz Torres Raposo Neto

Resumo


O Karatê é uma arte marcial, um esporte e também uma atividade física que pode propiciar inúmeros benefícios a seus praticantes (CONFEF, 2002). Sendo assim, esta pesquisa tem por objetivo principal verificar se modalidade Karatê poderia ser utilizada como possível ferramenta de desenvolvimento das habilidades psicomotoras, uma vez que a busca da perfeição, durante a execução global das técnicas de Karatê, pode propiciar a perfeição na realização de outras atividades e habilidades motoras do dia a dia. O estudo realizado foi de natureza qualitativa, com caráter descritivo, no qual utilizamos como base a Bateria Psicomotora de Fonseca (2012), na qual os objetivos específicos analisados foram os subfatores da praxia global; coordenação Óculomanual, coordenação Óculopedal, dissociação e agilidade. Sendo, portanto, escolhidos por compreenderem um sistema funcional mais complexo, exigindo atividades motoras de outros fatores psicomotores. Foram analisadas 18 crianças entre 10 e 12 anos, de ambos os sexos, iniciantes e graduados praticantes de karatê. Verificou-se por meio dos resultados obtidos que as habilidades desenvolvidas no treino do karatê podem ser consideradas, de forma positiva, uma ferramenta no auxílio do desenvolvimento psicomotor em seus praticantes.


Palavras-chave


Karatê; Psicomotricidade; Criança

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Tony Carlos Cardoso Silva, Luiz Torres Raposo Neto

Centro Universitário Fametro – UNIFAMETRO

ISSN 2448-1270